sexta-feira, 19 de julho de 2013

“Jesus morreu”


A mãe de um garoto de nove anos, Marcos, recebeu um telefonema num começo da noite. Era a professora de seu filho.

"Dona Marta, uma coisa muito estranha aconteceu hoje na minha turma de 3ª série. Seu filho fez algo que me surpreendeu muito e eu acredito que a senhora deva ficar a par imediatamente". 

Mães dificilmente gostam de ouvir isso de uma professora. A mãe ficou preocupada com esse começo de conversa. "O que foi agora?", a mãe quis saber.

A professora continuou: "Eu tenho dado aulas por muitos anos, mas nada como isso jamais me aconteceu. Essa manhã eu estava dando aula de redação. E como sempre fiz, eu contei a história da cigarra e da formiga. A formiga trabalha duro durante o ano todo e guarda bastante comida. Mas a cigarra brinca durante o ano todo e não trabalha. Então, o inverno chega. A cigarra começa a passar fome porque não há mais comida. Depois de um tempinho, ela vai à casa da formiga e começa a suplicar: ‘Por favor, D. Formiga, você tem tanta comida, por favor, me deixe comer também...’ Agora, meninos e meninas, falei, seu trabalho é escrever o fim da história. Seu filho Marcos levantou a mão". 

"Professora, eu posso fazer um desenho?", perguntou. "Bem, sim, Marcos, se você quiser, você pode fazer um desenho. Claro. Mas, antes você precisa escrever o fim da história", respondi.

As redações começaram a chegar. Como nos anos passados, a maioria das crianças disse que a formiga dividia sua comida com a cigarra e ambas, cigarra e formiga, viviam. Como sempre, algumas poucas crianças escreveram: "A formiga disse: ‘não, D. Cigarra. Você devia ter trabalhado no verão e não ficar cantando. Agora, eu só tenho comida para mim’. Então, a formiga vivia e a cigarra morria".

No entanto, seu filho terminou a história de uma forma diferente de qualquer outra criança que eu tenha conhecido. Ele escreveu: "Então a formiga deu toda a sua comida para a cigarra conseguir ficar viva no inverno. Mas a formiga morreu".

"E o desenho?", a mãe perguntou.

"No topo da página, Marcos tinha desenhado três cruzes e escreveu: ´Ele deu tudo que tinha para que nós pudéssemos viver; mas Jesus morreu`".

Isaías 11:4

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...